Você está aqui: Página Inicial / Dissertações / 2011 / Resumo Kelly Cardoso Faro

Resumo Kelly Cardoso Faro

Resumo Kelly Cardoso Faro

O objetivo do presente estudo foi o de estudar o sistema de metas inflacionárias e sua adoção pelo Brasil, a partir de 1999, bem como os resultados atingidos até 2009. Ademais, o estudo buscou também analisar a dicotomia que o regime de metas inflacionárias apresenta no tocante a seu relativo bom desempenho em termos de controle do nível de preço e sua dificuldade em conciliar esse resultado positivo sobre as variáveis macroeconômicas reais, a saber: produto interno bruto, desemprego e dívida pública. Segundo a análise realizada, verificou-se que as metas foram cumpridas em sete anos, dentre os dez anos de vigência do regime (1999-2009). Este resultado revela que o regime de metas foi bem-sucedido no seu objetivo último de controle inflacionário. Todavia, tal resultado se mostrou contraditório com o desempenho real da economia, segundo as variáveis selecionadas, devido ao fato do regime de metas utilizar a taxa básica de juros como instrumento fundamental da política monetária para o controle dos preços. A respeito do produto nacional, constatamos que este manteve sua trajetória de stop and go, e que a ação da política monetária sobre a demanda agregada é imediata, ou seja, ocorre prontamente no mesmo trimestre que a alteração da taxa Selic, diferente do que é preconizado na literatura econômica, que afirma existir uma defasagem temporal de seis a nove meses para a ação da política monetária. Consequentemente, ao incidir sobre o crescimento do PIB, a política monetária das metas de inflação afetou também, ainda que indiretamente, o volume de emprego. Deste modo, a política monetária restritiva do regime de metas conseguiu controlar a inflação, em troca da manutenção de uma alta taxa de
desemprego. Por fim, a dívida pública interna também sofreu efeitos negativos, haja vista que parte desta dívida é indexada à taxa Selic. Desta forma, um aumento na taxa Selic eleva os juros pagos aos detentores de títulos públicos onerando ainda mais o setor público.

Para mais informações e trabalho completo, clique aqui.

« Janeiro 2020 »
Janeiro
DoSeTeQuQuSeSa
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031
UA-106127954-1