Você está aqui: Página Inicial / Dissertações / 2017 / Resumo Caroline Todeschini

Resumo Caroline Todeschini

O presente trabalho buscou identificar as instituições da agropecuária da região Sul do Brasil e suas implicações na produtividade do setor, a partir dos dados do Censo Agropecuário de 2006. Trata-se de um trabalho qualitativo e quantitativo, cujos procedimentos metodológicos incluem a elaboração de um indicador de produtividade por meio da lógica fuzzy e seu estudo através da análise de conglomerados e regressão linear múltipla. Após a revisão teórica, notou-se que instituições podem ser definidas como regras formais ou informais, organizações ou o próprio mercado, e que possuem caráter path dependence e podem afetar a trajetória tecnológica de uma economia. Considerando instituições enquanto organizações, percebeu-se que as instituições da agropecuária brasileira exercem papel fundamental no desempenho do setor desde o período imperial. No que tange as instituições do setor na região Sul brasileira, constatou-se diferenças entre os estados no que diz respeito à quantidade delas, à nomenclatura, ao tipo de pessoa jurídica, à quais atividades voltam suas ações e ao número de produtores envolvidos. Utilizando variáveis de assistência técnica, associativismo, qualificação e instituições de ensino como proxies, a análise de agrupamentos feita a partir do indicador de produtividade da agropecuária mostrou que grande parte dos municípios da região apresenta baixo desempenho nesse quesito e a análise de regressão indicou determinação positiva entre as instituições e a produtividade em quase todos os casos analisados. A maior contribuição nesse sentido foi da variável de assistência técnica. Os resultados corroboram os argumentos dos institucionalistas de que as instituições importam no processo de desenvolvimento econômico.

Para acessar o trabalho completo, clique aqui.

 

 

« Fevereiro 2024 »
Fevereiro
DoSeTeQuQuSeSa
123
45678910
11121314151617
18192021222324
2526272829
UA-106127954-1